O PPGCTA

O PPGCTA

01. Criação

O Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos (PPGCTA) foi criado em 1983, teve o ingresso da primeira turma em 1985, obtendo credenciamento pela Capes inicialmente como Curso de Mestrado, desde 2000 também como Doutorado.

02. Área de Concentração e Linhas de Pesquisa

O programa apresenta uma única área de concentração (Ciência e Tecnologia de Alimentos) e três linhas de pesquisa: Ciência e Tecnologia de Frutos e Hortaliças, Ciência e Tecnologia de Grãos e Microbiologia de Alimentos.

03. Objetivos

Como objetivo maior, visa atender à demanda de qualificação de profissionais de nível superior que atuam nas áreas de ensino, pesquisa e desenvolvimento em temáticas relacionadas às atividades do complexo agroindustrial, envolvendo predominantemente conservação, transformação, padronização, controle de qualidade de matérias-primas, produtos e processos, assim como no desenvolvimento e melhoria de produtos da agroindústria de alimentos. Nesse contexto, a formação acadêmica e em pesquisa dos mestres e doutores é o centro da atenção do PPGCTA. Como resultados esperados projetam-se, na ordem de prioridade e sua plenitude, a qualificação dos profissionais egressos do PPGCTA, a produção intelectual, especialmente científica e tecnológica, a geração de conhecimento e sua popularização.

04. Missão

Formação qualificada de profissionais em Ciência e Tecnologia de Alimentos, nos níveis de Mestrado e de Doutorado, com a capacidade destacada na geração de conhecimento e da transformação desse conhecimento em bem social.

05. Tempo de Titulação

O PPGCTA prevê que o tempo ótimo de titulação seja de 24 meses para o mestrado e de 36 meses para o doutorado.

06. Bolsas

O PPGCTA conta com bolsas do Programa de Demanda Social da CAPES, do CNPq e de projetos de cooperação.

07. Quadro Docente e Pesquisador

O quadro docente permanente do PPGCTA é constituído por docentes com doutorado, sendo, no mínimo, 80% da UFPel. Na condução dos projetos e comitês de orientação, o PPGCTA conta com docentes colaboradores e pesquisadores tanto da UFPel quanto de instituições co-irmãs.

08. Discentes

O perfil do corpo discente, renovado anualmente com uma procura média em torno de 45 candidatos para Mestrado e 25 para Doutorado, é composto de profissionais de Agronomia, Biologia, Bioquímica, Engenharia Agrícola, Engenharia de Alimentos, Engenharia Química, Farmácia, Nutrição, Química, Química de Alimentos, Química Industrial, Veterinária, Viticultura e Enologia.
Em todas linhas de pesquisa e projetos de pesquisa do PPGCTA há participação de acadêmicos de cursos de graduação, com ou sem bolsas de iniciação científica.

09. O Egresso

O acompanhamento continuado dos pós-graduados titulados no PPGCTA indica que os objetivos e a missão têm sido cumpridos, considerando que, em média:
a) 92% atuam na área de qualificação obtida;
b) 71% dos titulados no nível de mestrado dão continuidade aos estudos em níveis mais elevados;
c) 47% dos egressos atuam em instituições de ensino superior;
d) 29% atuam em instituições de pesquisa e/ou órgãos de gestão agroindustrial;
e) 21% em empresas privadas e/ou como profissionais liberais;
f) 3% em outras atividades.